MARANHÃO | ECONOMIA E SAÚDE

Maranhão em meio a pandemia 70% apoiam reabertura gradual de atividades no Comercio
Pelo menos 70% da população maranha apoiam a decisão do governador Flávio Dino (PCdoB) de, após meses de medidas rígidas pelo isolamento social; em virtude da pandemia do novo coronavírus -, começar a permitir a reabertura gradual das atividades comerciais no estado.




Foto Portal de Balsas |Comercio de Balsas Sul do Maranhão

A informação é de pesquisa Escutec/O Estado divulgada neste sábado pelo jornal.

Segundo o levantamento, apenas 27% das pessoas ouvidas não concordam com a mudança de postura do governo, e acreditam que essas atividades deveriam permanecer suspensas. Outros 3% não sabem ou não responderam ao questionamento.

A consulta foi realizada entre os dias 4 e 9 de junho, em todas as regiões do Maranhão, com 2 mil entrevistas por telefone.

Neste fim de semana, por exemplo, passam a poder reabrir igrejas, templos religiosos e similares. Na segunda-feira, 15, voltam a funcionar shopping centers e o setor lojista em geral.

Pequenos comércios familiares, barbearias, salões de beleza, lojas de material de construção, oficinas e uma série de outras atividades já estavam autorizados a funcionar.

Academias, bares e restaurantes devem poder reabrir ainda em junho, mas apenas a partir do dia 28. As escolas só devem retomar as aulas em julho.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM